Sobre

Dra. Carolina Melendez

Mãe, médica, ginecologista, mulher. Ariana com ascendente em Áries e lua em Leão. Apesar de todo o fogo no mapa astral, me identifico mais como melancólica do que colérica.
 

Médica formada pela UFCSPA e Ginecologista e Obstetra formada pelo HMIPV, iniciei minha carreira como Cirurgiã Ginecológica. Me especializei em cirurgia minimamente invasiva, área que ensino até hoje em um hospital universitário. Nessa rotina de conversar com as pacientes, saber de suas vidas, entender suas expectativas, percebi as várias facetas das doenças que exigem uma intervenção cirúrgica. Me esforço em passar confiança para quem literalmente confia sua vida em minhas mãos.

Após a maternidade vi que já não me contentava em apenas corrigir a doença, mas queria entender o que levou essa mulher a desenvolver tal problema, e, principalmente, o que poderia fazer para evitá-lo. Assim começou minha peregrinação às diversas experiências de autoconhecimento e teorias sobre saúde e adoecimento. 
 

Fiz retiros de mulheres em praias paradisíacas, toquei tambor à beira da fogueira em noites de lua cheia, me dediquei ao estudo das plantas (Fitoterapia e Aromaterapia) e recentemente tenho me aprofundado cada vez mais ao estudo da psique feminina na Psicossomática. O que o corpo quer comunicar simbolicamente com a doença?
 

Consultas cada vez mais longas, conversas cada vez mais profundas, histórias e questionamentos que já não cabiam em uma consulta ginecológica convencional de 20 minutos que o convênio médico oferece. 

Assim iniciei nessa jornada de Ginecologia Natural, querendo saber o por quê do desenvolvimento das doenças como a endometriose, síndrome dos ovários policísticos, cólicas menstruais, miomas, câncer, entre outras dores do feminino. Por que algumas mulheres desenvolvem doenças e outras não? Por que algumas engravidam com facilidade e outras precisam de tratamentos invasivos? Será que precisa de tantos exames e de tanta medicação assim? A cirurgia é a melhor opção? E como fica quem não tem útero? E como fica quem opta por não ter filhos? E como ficam as mulheres que "carregam a família nas costas”? Quem é essa mulher e qual o papel dela na sociedade, na família, no trabalho? E o principal: Como posso ajudá-la?

A Ginecologia Natural não é uma subespecialidade da Ginecologia tradicional, é uma maneira diferente de encarar a vida da mulher, de maneira a orientá-la a resgatar a sua autonomia e ser a protagonista da sua saúde. Séculos de uma sociedade patriarcal em que a mulher foi tratada como ser incapaz de gerir sua própria vida, trazemos em nossa memória celular vergonhas e traumas que hoje já não se justificam mais. 

A proposta é te ajudar nesse exercício de autoconhecimento, esclarecimento e, quando indicado, tratamento para que, respeitando a autonomia da mulher, possamos caminhar juntas para a cura de seus males. Não, não é fácil, mas é possível! Com o conhecimento, discernimento e sempre com embasamento científico (sou médica, sigo um código de ética rígido) te oriento nesse investimento em saúde, que chamamos de prevenção e, caso necessário, em tratamentos naturais dentro das possibilidades de cada paciente. 

Especializações na área

Formada em Medicina pela UFCSPA, especialista em Ginecologia e Obstetrícia pelo HMIPV com reconhecimento de Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela FEBRASGO/AMB (TEGO)

Pós-graduada em Cirurgia Vaginal e Uroginecologia pela Ciências Médicas de Minas Gerais/FELUMA/IPG e cursos de Cirurgia Ginecológica Videolaparoscópica pelo IRCAD/Barretos/SP

Curso de Fitoterapia pela ABFIT/RJ e Aromaterapia pela Harmonie/SC

Pós-graduação em Psicossomática pelo Instituo Jungiano de Ensino e Pesquisa IJEP/SP

Atendimentos de Ginecologia Natural presenciais na Clínica Lótus e consultas online por telemedicina

  • Preto Ícone Instagram

© 2019 por Dra. Carolina Melendez. Amorosamente criado por Citrino Aflora.

Tel: (51) 3321.1200