Espinhas e anticoncepcional - como fazer?

Muitas mulheres gostariam de parar de tomar o anticoncepcional, mas morrem de medo de ficar com o rosto cheio de espinhas. O comprimido de hormônios combinados (aqueles que se faz a pausa para o sangramento) aumentam a produção de uma proteína no fígado chamada SHBG que age inativando os hormônios androgênicos que o nosso corpo naturalmente produz. Esses hormônios causam o aumento da oleosidade da pele e favorecem a acne, acontece que apenas uma parte das mulheres que utilizam o hormônio tem esse benefício tão marcado na pele.


Enquanto usa o anticoncepcional a oleosidade da pele é controlada, quando paramos de tomar o comprimido os nossos hormônios voltam a agir. Esse período de adaptação do corpo dura cerca de 3 meses e pode acontecer de piorar o aspecto de oleosidade da pele e até queda de cabelo.

E o que fazer então? Sempre indico consultar um dermatologista antes de parar para se preparar da melhor forma para um possível aumento da oleosidade da pele e queda de cabelo. Sim, você leu bem, POSSÍVEL, porque muitas mulheres não tem alteração alguma, seguem com a pele que sempre tiveram!

Nada de ter medo meninas, o anticoncepcional não é o único tratamento para a pele! Além dos tratamentos dermatológicos com cremes e outros produtos tópicos, a pele também responde a alguns fitoterápicos e suplementos nutricionais.


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo