• Carolina Melendez

Calorões da Menopausa

Clinicamente conhecidos como “fogachos”, os calorões da menopausa se caracterizam por ondas de calor na parte superior do corpo, que duram entre 2 e 4 minutos. Essa onda de calor acontece por uma interpretação errônea da temperatura corporal pela região cerebral que atua como um termostato central. Na tentativa de reduzir a temperatura corporal, o corpo passa a produzir suor e rubor (vermelhidão) na pele causando uma perda importante de calor e, logo em seguida, cria uma leve hipotermia (aparecendo então os calafrios), mecanismo utilizado pelo corpo para gerar calor para compensar o perdido (é um sobe e desce mesmo!).



São sintomas que costumam aparecer antes mesmo da menstruação parar e são causados pela falta de estrógenos, característica da menopausa. Podem ser mais frequentes durante o dia ou acordar a mulher à noite diversas vezes, causando bastante desconforto. Em aproximadamente 80% das mulheres estes sintomas duram cerca de um a três anos. Mas 25% das que iniciaram com os sintomas, vão tê-los por mais de cinco anos e destas, 10% mantém os sintomas até depois dos 70 anos!


Mulheres com sobrepeso, fumantes e sedentárias tem mais risco de apresentar os calorões. Usar roupas leves, beber líquidos gelados, perder peso, parar de fumar, evitar alimentos condimentados e cafeína funcionam para algumas mulheres. Atividades que controlam o estresse (como o Yoga) também ajudam muito! Alguns compostos fitoterápicos podem aliviar os calorões, como a Cimicifuga Racemosa, folha de amora, óleo de linhaça e soja.

  • Preto Ícone Instagram

© 2019 por Dra. Carolina Melendez. Amorosamente criado por Citrino Aflora.

Tel: (51) 3321.1200